Central de Atendimento: (19) 3404-3700 | Assinatura: (19) 3451-2100

Capa

80 anos - Promoção
Artigos & Colunas
Bastidores
Bate Pronto
Biodiversidade
Caderno de Lazer
Cinema
De Olho na TV
Dois Toques
Educação
Em Família
Em Tempo
Enfoque
Esportes
Gazetinha
Geral
Giro Nacional
Jornal da Mulher
Local
Painel Esportivo
Panorama
Política
Ponto Um
Prêmio de Literatura
Região
Segunda Esportiva
Segurança
Texto&Contexto
Tô on-line
Vídeos
Viver Mais
O Jornal
Assine
Anuncie
Clube do Assinante
Fones úteis
Política de privacidade
Fale conosco
 

Da redação
Bastidores
Circulando
Enfoque
Jornal da Mulher
Lazer
Painel Esportivo
Prisma
Texto&Contexto
 

 

 

  Notícia >> Novo acidente na Limeira-Cosmópolis envolve três veículos e mata motorista  (15/7/2010)
 
 
Novo acidente na Limeira-Cosmópolis envolve três veículos e mata motorista

Três veículos se envolveram em um acidente no quilômetro 4,5 da Rodovia Limeira-Cosmópolis (SP-133), às 15h de ontem. A ocorrência, segunda em menos de um mês na mesma via, matou o motorista Odair José Pereira Barbosa, de 33 anos, que conduzia um caminhão Iveco EKW-5141/Matão, pertencente a uma empresa daquela cidade, e deixou outras duas pessoas feridas.

As causas do acidente ainda serão apuradas, mas o veículo guiado por Barbosa no sentido Limeira, teria se chocado frontalmente contra o treminhão Volvo CLH-3837/Itapeva, guiado por M.G.A., 35, que vinha no sentido oposto. Com a colisão, o veículo de Barbosa ficou atravessado na pista, sendo atingido pelo Ômega, BMJ-3913/Limeira, conduzido pelo industriário O.M., 56, residente em Limeira, com mais dois passageiros.
Barbosa estava acompanhado de S.A.P., 35, que foi socorrido pela Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros de Limeira ao Pronto-Socorro da Santa Casa, junto com M.G.A., que tracionava dois semirreboques carregados de areia. Após o acidente, o Volvo tombou e só parou cerca de 100 metros à frente, no acostamento da via. Já o caminhão Iveco, que continha baú carregado de papéis-toalha, ficou completamente destruído, com peças lançadas ao longo da rodovia. Barbosa, que ficou preso às ferragens, não teve chance de socorro e morreu no local. O veículo de passeio ficou parcialmente destruído, mas nenhum dos ocupantes se feriu. “Foi tudo muito rápido, após a pancada só vimos o baú do caminhão se desmanchando no ar”, disse o industriário.
Embora relatos dos envolvidos apontem que o treminhão teria causado a batida, o tenente Jivago Monetto Pedra considera a hipótese de o outro caminhão ter invadido a pista oposta, já que existia no asfalto, na faixa ocupada pelo treminhão, uma marca que seria o ponto de impacto dos veículos. O militar afirmou ainda que no ponto onde houve a colisão, embora a faixa permita ultrapassagem, é um trecho considerado perigoso para tal, principalmente em períodos de chuva, como na ocasião do acidente.
As vítimas atendidas pela Santa Casa apresentaram estado clínico estável, sem risco de morte.

PERIGO

Além da chuva e condições do trecho da estrada, com declive nas duas mãos, a área em que ocorreu o acidente fica em frente de uma empresa e recebe passagem de pedestres. Os cerca de 15 quilômetros da rodovia recebem grande tráfego de caminhões, de vários portes. O agricultor José Paes, 60, mora próximo do local, e “coleciona” ocorrências do tipo na rodovia. “De casa, ouvi dois estouros. As pessoas abusam da velocidade aqui. Devem andar a 80 km/h, mas andam a 120 km/h. Como vão reagir no caso de um imprevisto? O jeito é passar por aqui rezando”, declara o morador.
A via foi palco, no último dia 22, de outro acidente envolvendo três veículos. Paes lembra que no ano passado, nesta mesma época, houve ocorrências principalmente devido à neblina de manhã, que reduz a visibilidade. Ele relata ainda que, após o acidente anterior, os motoristas têm sido um pouco mais cautelosos. “Muitos passaram a fazer o retorno na Anhangüera, em vez de manobrar no meio da rodovia”, diz.

CORDEIRÓPOLIS

Uma criança de 7 anos ficou ferida ontem em um acidente no km 160 da Rodovia Washington Luís, trecho de Cordeirópolis no final da madrugada. Ela ocupava o caminhão Mercedes-Benz, DHO-6148/Santo André, conduzido pelo seu pai. O veículo seguia atrás de outro caminhão, o Mercedes-Benz, BXC-8416/Santos, que freou bruscamente. Não deu tempo de frear e houve a batida. O menino foi socorrido ao Hospital Municipal onde, até a tarde de ontem, permanecia em observação. Não há informações se seu pai ficou ferido no acidente. A rodovia ficou com trânsito lento durante o trabalho de remoção dos veículos. O caso foi registrado na delegacia do município. (DL/CG)
 
 






  Quem será o camapeão brasileiro no próximo domingo?
  Corinthians-SP
  Vasco-RJ
 

 

 

 

 
 
Matriz: Rua Senador Vergueiro, 319 - Centro - Limeira - CEP 13480-000 - Central de Atedimento e Redação: +55 (19) 3404.3700 - Assinatura: (19) 3451-2100
© Gazeta de Limeira 2004. Todos os direitos reservados. Desenvolvimento: POSITIVA design